Fungando no trabalho

Um coitado estava tendo uma crise, não parava de fungar. Ia ao banheiro, voltava e o funga-funga lá. O coitado já não agüentava mais de tanto fungar quando a bela e doce Pocahontas solta à pérola:

Para! Chega de fungar.

Coitado, não sabia o que fazer. Ficou vermelho, pediu desculpas. E a Pocahontas? Teve uma crise de riso. Levantou-se foi pro banheiro e ficou um bom tempo rindo. Riso de vergonha, eu sei, mas mesmo assim continua sendo riso.

Anúncios

~ por carlanascimento em agosto 19, 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: