Passeando pela cidade

onibuslotado É pessoal, morar longe do trabalho na cidade maravilhosa é dureza. O sistema de tranporte coletivo é MUITO ruim, e olha que não é exagero não. Não importa se o meio de transporte é ônibus, metrô ou trem, todos estão saturados.

É bem verdade que o trem melhorou, agora já temos composições com ar-condicionado. O povão amou. E faz questão de empurrar, socar, apertar para entrar no trem, na verdade isso não mudou muito. Antes do advento do ar-condicionado as pessoas já empurravam, socavam e apertavam para entrar no quentão, digo, trem. E fico eu lá amssadona, encostando em um monte de gente “bonita” e “cheirosa”. E quando para um mulher com os cabelos molhados, encharcado de creme fedido encostando em você. Nossa você sai do trem o braço está oleoso e com o maravilhoso perfume de creme de quinta. Delícia!

O metrô é outra maravilha. Os governos construiram novas estações aumentando a capacidade de transporte, uma maravilha. Só esqueceram de aumentar a capacidade da composição, o metro continua com o mesmo número de carros, o tempo entre as composições não diminuiu. Resultado, hoje, não importa a hora do dia, podemos sempre pegar o metrô cheio.  Bem, tenho que admitir, estou sendo injusta. Não é a qualquer hora que pegamos o metrô cheio, algumas vezes, simplesmente  não pegamos o metrô, pois nem empurrando, socando, brigando é possível entrar no metrô.

Claro que temos a opção do ônibus, afinal o nosso trânsito é muito melhor que o de São Paulo. Esse sim é uma boa opção. Ledo engano, aqui no Rio os ônibus andam LOTADOS, os motoristas param onde e qundo querem, e como se não bastasse algumas vezes é impossível descer no ponto desejado por que é simplesmente impossível chegar até a porta. Esse tipo de coisa acontece por que não existe ônibus suficiente circulando nas ruas. Não adianta dizer que estou louca, pois é verdade, já perdi a conta das vezes em que fiquei mais de trinta minutos aguardando o ônibus. Claro que quando passou um estava lotado, com gente saindo pelo ladrão.

A vida de quem mora longe do trabalho no Rio só melhora um pouco quando se tem carro e paciência para digirir no trânsito caótico dessa cidade maravilhosa. Vida de pobre não é mole não. Como diz uma amiga minha:

Quero ser pobre um dia, por que todo dia não dá não.

DigNow.org

Anúncios

~ por carlanascimento em janeiro 31, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: